Essa é a frase que eu mais escuto dos professores que defendem e vestem verdadeiramente a t-shirt do treino funcional.

Na minha opinião, o treino funcional é bastante mais efetivo que a musculação, porém não é errado fazer musculação, só não será tão efetivo como o funcional.

Sendo assim, resolvi escrever este artigo mostrando o motivo pelo qual o treino funcional terá mais benefícios do que a musculação (porém, uma vez mais digo: ambas as opções são válidas).

1). Quantas modalidades nós praticamos sentados?

Tu corres sentado? Nadas sentado? Tirando desportos como por exemplo o remo, poucos se desenvolvem sentados. Se as modalidades que praticas não se desenvolvem sentados, não será funcional treinar sentado. ( e desculpa a redundância)

2). Quantas modalidades nos dão estabilidade de forma externa?

A maioria dos desporto são praticados no exterior e sob terrenos pouco estáveis. Quando fazemos leg extension, chest press ou leg press, a máquina de treino nos dá essa estabilidade, pelo qual não estamos a trabalhar para melhorar na nossa modalidade.
Agora os professores que defendem a musculação podem dizer: “certo, mas é mais seguro treinar musculação.”. Sem dúvida, mas a falta de treino de propiocepção e estabilização nos levam a um maior número de lesões durante a competição( e os dados estão ai para comprovar).

3). Quantas habilidades físicas desenvolvemos somente com uma articulação?

Quando corremos, nadamos, dançamos, andamos de bicicleta, jogamos futebol e outras modalidades coletivas movemos sempre mais que uma articulação e estamos a realizar movimentos. E aqui é que o treino funcional mais uma vez se encaixa no modelo de treino de força mais adequado para as modalidades. 

O treino funcional vai trabalhar e equilibrar as disfunções que o corpo tem para que, além de maior performance na modalidade, ele não sofra com lesões durante a época.  

Contudo, vejo frequentemente planos de treinos e exercícios que se intitulam como “funcionais” e de funcional não tem nada.

Saber distinguir o que é funcional do que é circo, é essencial. Por isso, antes de sair fazendo todos os vídeos do YouTube ou todas as aulas que se titulam como funcional, conversem com o professor/PT e perguntem sobre como esse treino vai ajudar a melhorar o teu desempenho na modalidade.

Ficaste com dúvidas? Clica aqui e esclarece todas as questões comigo pessoalmente!

Sem mais, me despeço de ti.

Beijinho da coach

Fonte: Avanços no Treino Funcional - Michael Boyle

escrito por
portrait

Laisa Diana

Treinadora de Força e Corrida de Lisboa

Faixa Etária: 25-29
Clube: Si. Clube Oriental de Lisboa

Minhas modalidade
Triathlon Meia Maratona Maratona Corrida de Montanha Treinamento Funcional Treinamento de Força

Mais blogues